English  ✓

Français

Problema de saúde pública: a prevalência da dor da coluna desde adulto jovem até idoso

Dalia Romero, Instituto Oswaldo Cruz (FIOCRUZ)
Alexandre Del Mayor, Instituto Oswaldo Cruz (FIOCRUZ)
Paulo Borges, Instituto Oswaldo Cruz (FIOCRUZ)

A dor na coluna está entre os sintomas clínicos mais comuns entre os adultos e idosos em todo o mundo. OBJETIVO: Estudar o ciclo vital da prevalência da doença da coluna, desde adulto jovem até idosos, e os fatores associados à dor da coluna. METODOLOGIA: Análise de regressão lineal simples e uma regressão logística multivariada. A variável dependente foi a presença de doença de coluna ou costas. As variáveis independentes foram características sócio-demográficas: sexo, raça, faixa idade, nível de escolaridade, grau de dificuldade física (ter pelo menos uma dificuldade), auto-avaliação do estado de saúde (AAS), plano de saúde e local urbano ou rural. RESULTADOS: A prevalência da dor da coluna é maior entre as mulheres e cresce acentuadamente desde os 25 até os 59 anos, a partir dessa idade mantêm-se estável. Os fatores mais associados com a dor da coluna foram ruim AAS, dificuldade física, baixa escolaridade e baixa escolaridade

Presented in Poster Session 4: Poster Session 4: health and ageing